Porque quando ensino, é quando eu mais aprendo

Carrego com muito carinho a lembrança de algumas professoras e professores que fizeram parte da minha formação escolar e universitária. Não é à toa que o nome da minha filha é em homenagem à minha professora da 4. série.

E foi com esse sentimento no coração e a consciente responsabilidade de que nossas palavras e ações podem direcionar a abismos ou pontes às pessoas, entrei na escola dinamarquesa para meu primeiro estágio curricular do curso de formação de docente da educação básica (1. à 10. série).

Quando fui apresentada à 5. série, na aula de alemão, informei além de outras coisas o meu país de nascimento. Ares de surpresa surgiram, pois o alemão não é meu primeiro idioma (materno). Algumas crianças fizeram perguntas sobre jogadores de futebol. Sentindo ser isto importante para elas, conversei com interesse de perita, embora soubesse bem menos que elas sobre esse assunto. Assim, fui bombardeada de perguntas em dinamarquês e as respondi em alemão com uma e outra palavra em dinamarquês. As crianças estavam tão interessadas nos jogadores que mal perceberam a diferença idiomática ou se perceberam não deram tanta importância, queriam mais era se comunicar. E eu só queria prolongar aquela calorosa recepção idiomática. No jargão pedagógico, poderia se dizer que tive minha primeira experiência no trabalho de relacionamento, prefiro dizer que plantei uma sementinha, quero regá-la para colher os frutos.

E por falar em campo fértil, tive também a oportunidade de desenvolver um projeto transdisciplinar, entre as disciplinas artes e alemão. Confeccionamos livros com capas feitas de papelão, os créditos desta ideia dá-se  ao Movimento Cartonero que pode ser lido aqui.

O foco do projeto foi mostrar ao alunado que todas as pessoas, independente de situação econômica, têm direito à cultura, priorizar materiais recicláveis e buscar soluções criativas, como também incentivar o multilinguismo.

Karton vor dem Buch

As capas dos livros antes das mãozinhas criativas

No livro havia atividades e espaço para a criança expressar-se em todos os idiomas que tivesse acesso, independente da intensidade do seu conhecimento. Uma das minhas frases favoritas de H.C. Andersen fez-se presente: “tu, língua dinamarquesa, tu és a voz da minha mãe”. Não havia só crianças com o dinamarquês como primeiro idioma, por isso, incentivamos a elas desenharem ou escreverem em outros idiomas falados em casa também. Pintar as capas dos livros foi a atividade que o alunado mais gostou. Escrever e desenhar no livro foi um sucesso para as meninas, mas nem todos os meninos ficaram interessados em todo o material. Tenho que pensar melhor sobre como posso tornar, da próxima vez, essa atividade mais atraente.

Buch cartonero2

As capas dos livros depois das mãozinhas criativas

Na 10. série, tivemos, eu e minha companheira de estágio, a oportunidade de planejar e executar uma sequência de aulas sobre o carnaval na Alemanha. A professora também me pediu para mostrar algo do carnaval do meu país natal. Então, mostrei dois vídeos do youtube: um sobre a importância do carnaval de rua, proibido como toda outra manifestação durante a ditadura, e outro sobre Renato Sorriso, o varredor dançarino do sambódromo. Escolhi esses vídeos, porque como bem disse Paulo Freire, a educação nunca é neutra.

O estágio pode me proporcionar uma primeira impressão, na perspectiva docente, da realidade escolar dinamarquesa. Há um campo de desafios, aprendizagens e realizações à minha frente e é nele que quero jogar, porque quando ensino, é quando eu mais aprendo e quanto mais aprendo, mais eu me sinto viva.

Danielli Cavalcanti

P.S.: Se você quiser ler este texto em dinamarquês, clique aqui.

Outros textos do contexto do multilinguismo que talvez lhe interessem:

Português, tu és minha língua porto

A mamãe fala português

Bilinguismo nao é nenhuma genialidade. Primeiramente, fora dúvida!

Você não fala português com sua filha ou filho? Primeiramente, fora, culpa!

Sinto muito, mas eu não falo português!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s